Andante,Andante...
"Nenhum  momento  de felicidade  terá  sentido  se  não  for  compartilhado"
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios FotosFotos PerfilPerfil Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


UM CERTO...PLIN PLIN !

da série "DIÁRIO DE MINHAS ANDANÇAS"
(29/11/2011)


A rua vai-se rasgando entre casinholas.
“Esperança” é o seu nome.
Tagarelam comadres pelos desvãos de cercas.
Molecada ranhenta corre atrás da bola de plástico.
Anda no ar , um cheiro de batata frita .
[Prenúncio de janta]
A lua nova é cedilha de prata em céus de novembro.

Esgoelam-se os últimos quero-queros no campinho de futebol.
O que fora verde,é agora um manto de veludo negro ligeiramente enluarado.
João(da construção),pedreiro afamado,de banho tomado,aprecia a lua nova.
Um cigarro,uma cerveja...Pensamentos vagando no “ora veja!”
Maria(do lar),quase pura,cheirando à “Natura” ,vai se achegando...
João,seu negão...Cerveja,chamego...
Um abraço,um amasso,a lua...Maria,semi nua...
Silêncio na rua...Em torno de mesas pelo casario,moleques gulosos,triviais deliciosos.
No escuro do alpendre,da casa de esquina,a boa velhinha entoa um “surrado” louvor:

“Salve,salve! Oh lua nova//Neste céu que é de meu Deus//Vós que tão bem conheces//Realiza os sonhos meus!”
João e Maria,vizinhos do lado,sedentos de amor...
Ranger de sofá, luz apagada,vestes ao chão...
Algumas ternuras,umas tantas loucuras...corações nas alturas
Suspiros,sussurros...lacrados por muros.
Vazam das telas,além das janelas as mesmas novelas.


E na rua Esperança cheirando à jasmim
Apenas se ouve um certo “Plin-Plin”.
Joel Gomes Teixeira
Iratiense THUTO TEIXEIRA
Enviado por Iratiense THUTO TEIXEIRA em 09/07/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários